5 LIVROS DA DARKSIDE BOOKS PARA LER EM 2017

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. Gostamos do grotesco, do fantástico, do infame. Celebramos nosso lado sinistro com monstros em VHS, download de games, LPs tocados ao contrário. E, principalmente, com livros que ousamos folhear à luz de velas. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos’‘.

Começo o post dessa semana com esse fofo textinho que eu peguei no site do DarkSide. A DarkSide é a primeira editora brasileira dedicada ao terror e a fantasia. Eu descobri eles há pouco tempo, alguns meses antes de vir para a Holanda, e então ainda nem tive a oportunidade de ler muitos. Eu comprei o livro ”O Demonolista” para ler durante a minha viagem até aqui e eu amei. Achei muito bom, me prendeu em todos os momentos e eu não conseguia parar de ler, ansiosa para saber qual seria o desfecho. Fiquei muito curiosa para saber quais outros livros eles tem e descobri vários que eu quero ler, só pelo título dos livros já da vontade de comprar. Eu sou muito fã de coisas de terror e paranormais então para mim a DarkSide é um parque de diversões. E se você é como eu, vai amar a lista que eu fiz com os meus ”Quero Ler” da DarkSide:

1 – LEGIÃO (William Peter Blatty)

Nada mais nada menos que a continuação de um dos meus livros/filmes preferidos.

Sinopse: A história começa dez anos depois do exorcismo de Regan McNeil. Só que agora o sobrenatural ganha também uma pegada de romance policial. O detetive (e cinéfilo nas horas vagas) William F. Kinderman volta à cena, investigando uma série de assassinatos brutais – entre eles, a crucificação de um garoto de apenas doze anos. O modus operandi dos crimes parece indicar a assinatura mórbida do assassino em série Geminiano. Mas como solucionar um caso em que o principal suspeito está morto há mais de uma década?

Eu não sabia da existência desse livro e agora estou torcendo pra ganhar de presente (está na pré-venda da Saraiva) porque quero ler agora! Pelo que eu li, vários mistérios que acontecem no primeiro livro, são desvendados nesse segundo. A única coisa que eu realmente não gostei foi a capa dele. Achei muito exagerada e vamos falar a verdade: um demônio vermelho? Com olhos azuis? E dente de vampiro? Não curti. Porém, com certeza eu vou ler em breve.

2 – EXORCISMO (Thomas B. Allen)

Sinopse: O livro Exorcismo narra em detalhes os fatos que aconteceram com Robert Mannheim, um jovem norte-americano de 14 anos que gostava de brincar com sua tábua ouija, presente que ganhou de uma tia que acreditava ser possível se comunicar com os mortos.

Como as pessoas tem coragem de brincar com um tabuleiro Ouija? Mesmo eu, que sou a louca das coisas de terror, não jogaria esse jogo nem que me pagassem. Eu nunca joguei, mas eu já conversei com muitas pessoas que já jogaram e me falaram coisas que dão medo, nada de mais, mas coisas estranhas que aconteceram. Se você já jogou esse jogo, comenta aqui se aconteceu algo ou como foi. Sobre o livro: Vem um tabuleiro e a parte onde se coloca o dedo, que as pessoas geralmente usam um copo! Que medo!

3 – 1977: ENFIELD (Guy Lyon Playfair)

Para tudo. Um livro que conta a história do filme Invocação Do Mal 2!!!! Eu não sabia que tinha e agora tô achando que o livro Legião vai ficar para a próxima. Só de ler a sinopse já da medo de ir no banheiro sozinha.

Sinopse: O escritor acompanhou por três anos o drama da Sra. Harper e de seus filhos, documentando inúmeros acontecimentos que a ciência não consegue explicar: objetos que se moviam sozinhos, barulhos sem causa aparente, vozes atribuídas a espíritos, levitação. Seria um caso de histeria coletiva ou puro charlatanismo?, alguns podem se perguntar. Mas as fotos, os registros em áudio e vídeo e os depoimentos recolhidos por Guy Lyon e Maurice até hoje intrigam a comunidade internacional. Poucas vezes, o sobrenatural se mostrou tão real como aqui.

Nesse exato momento com a aba aberta na página onde se compra esse livro (R$43,90).

4 – O MENINO QUE DESENHAVA MONSTROS (Keith Donohue)

Sinopse: Jack Peter é um garoto de 10 anos com síndrome de Asperger que quase se afogou no mar três anos antes. Desde então, ele só sai de casa para ir ao médico. Jack está convencido de que há de monstros embaixo de sua cama e à espreita em cada canto. Certo dia, acaba agredindo a mãe sem querer, ao achar que ela era um dos monstros que habitavam seus sonhos. Ela, por sua vez, sente cada vez mais medo do filho e tenta buscar ajuda, mas o marido acha que é só uma fase e que isso tudo vai passar. Não demora muito até que o pai de Jack também comece a ver coisas estranhas. Uma aparição que surge onde quer que ele olhe. Sua esposa passa a ouvir sons que vêm do oceano e parecem forçar a entrada de sua casa. Enquanto as pessoas ao redor de Jack são assombradas pelo que acham que estão vendo, os monstros que Jack desenha em seu caderno começam a se tornar reais e podem estar relacionados a grandes tragédias que ocorreram na região. Padres são chamados, histórias são contadas, janelas batem. E os monstros parecem se aproximar cada vez mais.

Eu escolhi esse livro para a lista por dois motivos: Um é que minha amiga leu e disse que é bom demais e dois, que eu acho muito legal essa ideia de crianças desenharem coisas sinistras que eles veem, uma pegada bem O Chamado. Eu gosto muito dese tipo de terror que parece que entra no seu quarto e invade a sua vida, bem profundo. Que da medo de virar a página e que você para de ler e apura os ouvidos para ter certeza que não ouviu nenhum barulho. Igual com o filme ‘‘O Exorcismo de Emily Rose”, que me traumatizou e eu nunca mais consegui olhar no relógio no meio da noite com medo de ser 3 da manhã. Esse é o melhor tipo de livro, e graças a DarkSide agora eu sou uma pessoa mais feliz. E com mais medo.

5 – MENINA MÁ (William March)

Afinal, as pessoas nascem com maldade ou elas são influenciadas de alguma forma pelo meio em quem vivem? Esse livro trata desse assunto, e eu achei muito interessante. Todo mundo fala que as crianças são puras e inocentes… Mas são mesmo? Ou elas nasceram assim, mas mudaram ao decorrer da vida? Mas como uma criança tão pequena as vezes pode fazer coisas tão horríveis? É o que temos que descobrir lendo esse livro, Não recomendado para futuras Au Pairs.

Sinopse: Rhoda, a pequena malvada do título, é uma linda garotinha de 8 anos de idade. Mas quem vê a carinha de anjo, não suspeita do que ela é capaz. Seria ela a responsável pela morte de um coleguinha da escola? A indiferença da menina faz com que sua mãe, Christine, comece a investigar sobre crimes e psicopatas. Aos poucos, Christine consegue desvendar segredos terríveis sobre sua filha, e sobre o seu próprio passado também.

Esses foram alguns dos livros que eu acho que mais vou gostar de ler quando voltar pro Brasil em Setembro.  No site da DarkSide tem a lista completa de todos os livros, incluindo alguns que não são de terror, mas que foram traduzidos pela Editora. Como: Star Wars, De Volta Para o Futuro e O Exterminador Do Futuro. Fora isso, também tem a biografia do famoso Zé do Caixão e livros com arquivos de Serial Killers, com histórias de assassinatos reais.

DarkSide sou sua fã!

A lista completa de livros você encontra no site oficial deles: www.darksidebooks.com.br e aproveita pra acompanhar os lançamentos e publicações lindas que eles fazem na fanpage: DARKSIDE BOOKS! 

Quem já leu, me conta. Quem não leu ainda, lê e me conta. E quem já brincou de Ouija, me conta mais ainda!
Boa noite de sono com as luzes apagadas depois desse post.

Um beijo e tchau!

Comments

comments