• Vídeo Novo

  • Vocês já sabem como Paris era e ainda continua sendo um sonho pra mim. Felizmente um sonho que se tornou realidade e me fez reacreditar que tudo que a gente quer, acontecerá mais cedo ou mais tarde.

    Foram 3 noites na cidade luz! O roteiro completo vocês conferem no meu post aqui. Quando saí de Amsterdam no sábado pela manhã, eu fui até a estaçãoo central de lá (conto mais sobre Amsterdam nesse post aqui), e peguei o meu trem para paris que eu ja havia comprado neste site. Quanto antes você se planeja e compra sua passagem, mais barata ela fica. Pode variar de 50 a 100 euros. A viagem foi tranquila, meu trem saiu da estacao as 10:15 da manhã e cheguei 1:30 da tarde em Paris. Importante levar água e snacks, diferente do avião, no trem não servem nadinha.

     

    Escolhi desembarcar na estação Nord de Paris, que era a mais próxima do meu hotel. “Próxima”, entre aspas, porque de qualquer forma tive que pegar metro e descer algumas estações depois da estação em que desembarquei.

    Falando em metro, no começo é dificil entender o metro. Talvez só pra mim que nunca morei em cidades que tinham algum e aí eu me perco naquele monte de linha e mapas. Mas tem aplicativos como o Metro Paris que disponibiliza um mapa online das linhas e quando conectado a wifi, você pode montar rotas de um ponto pra outro e ele te indica quais linhas pegar, quando trocar de linha e etc. Uma maravilha! Eu não tinha wifi durante o dia, só no hotel, então eu montava todas as rotas na noite anterior, tirava print e levava as fotos dos prints no celular!

    Me agredeci varias vezes por ter colocado o máximo de coisas em um dia de roteiro, adicionado horário e criado listas do que comprar e comer. É muuuito mais fácil quando você segue algo e não fica perdido. Teve dias em que terminei meu roteiro três ou quatro horas antes do previsto e aí pude voltar pro hotel, recarregar bateria de celular e câmera e simplesmente andar 5 minutos até a torre, sentar no gramado e passar horas lá. Meu lugar favorito.

    Falando em hotel, me hospedei no Hotel Eiffel Rive Gauche, um hotel 3 estrelas lindo e super confortável! A diária para o final de semana é 107 euros, e dia de semana 90. Achei beeem barato pela localizaçao em que o hotel se encontra. Fica a 700 metros da torre, 2 minutos de uma estação de metro e com várias lojinhas, cafés e restaurantes tipicamente franceses. Fiz um mapa mostrando quão perto é da torre e de outros pontos turísticos.

    Sim, Paris é facil de turistar por ter os pontos turísticos localizados um próximo do outro. Eu diria que as dezenas de atrações turísticas são separadas em zonas. Zona perto da torre, zona museu do Louvre com jardins e outros museus próximos, zona Jardim do Luxemburgo com Panthéon e notre dame e zona Sacré Cour com Moulin Rouge, café Amélie Poulain e várias outras coisas próximas!!

    Como falei no post do roteiro, dividi os dias me inspirando nessas “zonas” que eu mesma criei e olha, deu certo! Queria mais alguns dias para ir a Versalhes ( que fica em outra cidade próxima de paris), assistir um show a noite no Moulin Rouge e somente andar e descobrir os cantinhos de Paris…

    De qualquer forma foi uma viagem ótima, aprendi que os franceses não são tão frios e estúpidos como o povo fala e que sim, sabendo conversar com eles e pedir educadamente por ajuda, eles se esforçam para te entender e para falar inglês!

    Gastos / Investimentos da Viagem

    – Trem para Paris: 90 Euros
    – 3 noites no hotel : 325 Euros
    – 3 cafés da manhã no hotel: 36 Euros
    – Comida/restaurantes: 200 Euros
    – Souvenirs: 50 Euros
    – Compras aleatórias: 40 Euros
    – Compras de dermocosméticos: 70 Euros

    Endereco hotel: 6 Rue du Gros Caillou, 75007 Paris, França
    Site que comprei trem: www.b-europe.com
    Roteiros Post: www.cabidecolorido.com.br/roteiro-para-3-dias-em-paris