• Vídeo Novo

  • Sabe quando a gente escuta alguma música e de repente você é teletransportado para o lugar onde você costumava ouvir, e as vezes consegue até sentir cheiros? Eu tenho muito disso. Músicas me fazem reviver o momento exato.
    Aqui na Holanda eu descobri muitas músicas e com certeza quando eu ouvi-las daqui há alguns anos, todas as memórias vão voltar à tona e será muito bom. Para que eu nunca me esqueça delas, e para que vocês possam imaginar a minha vibe, listei algumas abaixo.

    As principais músicas do meu ano foram:

     Originality feat. Sister Nancy – Thievery Corporation

    Essa música me traz muitas good vibes. Ouvi ela no Kings Day, um feriado famoso aqui na Holanda e que eu já falei mais sobre ele neste post aqui. Nesse dia eu fui com algumas amigas em um Pub de Reggae, e tocaram muitas músicas legais. Na hora que tocou essa eu usei o aplicativo Shazam para achar o nome e o cantor e ta aí na minha playlist até hoje.
    Bullet and a Target – Rhymefest

    Essa música é uma regravação em forma de hip hop da música “Bullet and a Target – Citizen Cope” e essa música na versão original é muito legal também, eu ouvia quando era menor e tinha esquecido completamente. Um dia eu estava passando aspirador na casa dos meus hosts com os fones de ouvidos em uma playlist de Hip Hop e começou a tocar, e foi bom porque além da nostalgia que eu senti por já ter ouvido essa música antigamente, agora ela virou trilha sonora da minha vida aqui. Eu já escutei ela pulando na cama elástica também e meus vizinhos me odeiam por isso.
    Deadcrush – Alt-J

    Pode entrar, melhor música do Alt-J! O novo álbum deles chamado “Relaxer” foi liberado quando eu já estava aqui, e todas as músicas sempre vão me lembrar dessa experiência na Holanda, mas Deadcrush é a preferida e eu já cansei de dançar ela só de calcinha pelo meu quarto. Tentem!
    A Praga – Haikaiss
     
    Essa foi a música que me introduziu para o mundo do Rap, onde hoje eu vivo. Estava assistindo um video de um youtuber que eu gosto muito e no final dos vídeos dele ele sempre coloca alguma música muito boa, e essa é uma delas. Fiquei uma semana ouvindo ela sem parar.
    Bad Karma – Alex Thesleff

    No mesmo dia em que descobri a música “A Praga” também descobri Bad Karma. Era julho, eu estava de férias e tinham 3 amigas na minha casa e nós ouvimos 827 mil vezes e todo mundo viciou.
    Caroline – Aminé

    Por último: “oh my god, she is my baby, Caroline“! Amanda me mostrou essa música e foi impossível parar de ouvir, tem um ritmo muito gostoso, escuto sempre!
    Eu me perdi na minha playlist tentando achar as mais marcantes. Tem tantas. Assim como tem várias músicas que me lembram o intercâmbio nos Estados Unidos também e até mesmo minha época de Brasil. A música é a melhor máquina do tempo que eu conheço!
    Um beijo e tchau! ❤️

    O Lollapalooza Brasil 2017 está chegando hein! E para te deixar ainda mais envolvido no clima desse festival incrível nós do Seven List trouxemos aqui para o Cabide Colorido 7 bandas para ver e amar no Lollapalooza.
     
    Com data e local definidíssimos, dias 25 e 26 de março no Autódromo de Interlagos, o festival Lollapalooza Brasil 2017 já está dando o que falar. Vão ser dois dias intensos com muita música boa e atividades imperdíveis. Está ansioso? Sim?! Nós também e por isso preparamos uma lista com 7 bandas para ver e amar no Lollapalooza.
    E aí, o que achou da lista? Está contando os dias para a chegada do festival? Você vai? Qual banda você está louco para ver? Queremos saber tudo, conta aí pra gente nos comentários. E se você gosta de músicas boas não pode deixar de ver essa lista (mesmo contendo só álbuns de 2016): 7 álbuns internacionais de 2016 que você precisa ouvir.
     
    Ah e só para lembrar: se você ainda não visitou o Seven List, passa lá no site e conheça mais sobre a gente. E é claro, não deixe de seguir o Cabide Colorido nas redes sociais! Terça-feira que vem estamos de volta!