• Vídeo Novo

  • Olááá!! Meu nome é Luana, sou nutricionista e colaboradora aqui do blog. Hoje meu post é bem diferente dos outros que já escrevi. Vim trazer uma receita que A-DO-RO, no qual auxilia na diminuição do consumo de sal e que é para retirar de vez qualquer tempero pronto da sua vida!!

    Os temperos prontos, tão utilizados na cozinha dos brasileiros, são riquíssimos em sódio. O consumo em excesso deste mineral, em conjunto com outros hábitos alimentares não saudáveis, é um dos principais fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) relacionadas à alimentação, como a hipertensão (pressão alta).
    Este rótulo abaixo é de um dos temperos mais utilizados e divulgados na mídia, e pasmem, 1 colher de chá do tempero contém 732 mg de sódio. Sabem qual a recomendação diária?? 1500 mg!!!!

    Além disso, vários produtos industrializados possuem adição de sódio, por isso a importância de ter o menor consumo possível de alimentos processados ou então optar por aqueles de melhor qualidade.
    Como eu ia dizendo lá em cima, quero deixar para vocês a receita da VIDA kkkk…. Ela leva sal marinho, que é um sal que não passa pelo processo de refinamento como o sal comum, preservando muitos dos minerais presentes naturalmente no mesmo. Meu amado SAL VERDE é um sal preparado com temperos frescos e que serve para temperar diversas preparações (carnes, molhos, pães, massas).
    Os ingredientes são: 1 cebola, 1/2 cabeça de alho, 1/2 maço de manjericão, 1/2 maço de cebolinha, 1/2 maço de salsinha, 20 ml de azeite de oliva e 1 kg de sal marinho (aproximadamente). Com exceção do sal, os demais ingredientes devem ser batidos no liquidificador até formar uma pasta.

    12202248_868582376571009_458089374_n

    Após, esta deve ser transferida para uma bacia e então ir adicionando o sal, até obter uma consistência mais seca (como a da foto).

    12202431_868582379904342_2136993505_n

     

    12188740_868582383237675_1329390690_n

    O sal verde deve ser acondicionado em um pote de vidro esterilizado (fervido em água) e conservado na geladeira por até 3 meses.

    12200868_868582389904341_110618654_n

    Importante avisá-los que este sal deve ser adicionado numa quantidade menor, pois salga mais do que o sal comum!! O que é uma de suas vantagens, pois além da mistura já conter diversos temperos naturais misturados ao sal, a quantidade necessária para temperar o alimento é menor.

    Testem e me contem!! Vocês vão amar tenho certeza ;)

    Beijos, nutri Luana Effting

    Mais um dia de dica da nutri!! Iuupiii!!

    Para quem ainda não me conhece, meu nome é Luana, sou nutricionista e venho trazendo assuntos diversos sobre alimentação saudável aqui para o blog. Para quem quiser tenho também uma fanpage onde coloco várias dicas legais de receitas que uso no meu dia a dia: www.facebook.com/nutriluanaeffting

    Você já deve ter ouvido falar dos antioxidantes, não é? Mas sabe exatamente o que são e para que servem? Antioxidantes são aqueles que atuam contra os oxidantes, também chamados de radicais livres. Esses são capazes de produzir uma reação em cadeia alterando a química interna do corpo, podendo com o tempo desencadear doenças e morte celular. A importância dos antioxidantes está justamente no fato de que estes são capazes de regular a quantidade de radicais livres no organismo.

    Nós diariamente produzimos radicais livres, porém, esta produção está aumentada nos casos de estresse, tabagismo, consumo de frituras, excesso de atividades físicas, radiações, etc.
    Nesta tabela abaixo trago alguns nutrientes presentes nos alimentos que agem como antioxidantes:

    antioxidantes-cabide-colorido-mialvess

    A inclusão destes alimentos no dia a dia pode auxiliar na manutenção da saúde da pele, retardar o envelhecimento e prevenir doenças. Para incluir alguns destes alimentos, deixo aqui uma receita bem completa, com vários destes antioxidantes!!

    NHOQUE DE ABÓBORA AO MOLHO DE TOMATE

    nhoque-de-abobora-cabide-colorido-mialvess

    MOLHO DE TOMATE

    Ingredientes:
    2 colheres de sopa de azeite de oliva
    1 xícara de cebola picada
    2 dentes de alho
    2 xícaras de tomate picado
    Manjericão
    Sal

    Modo de preparo:
    Dourar a cebola e o alho com o azeite. Passar os tomates pelo liquidificador e acrescentar à cebola e ao alho dourado. Colocar manjericão e sal e deixar cozinhar até dar uma engrossada.

    NHOQUE DE ABÓBORA

    Ingredientes:
    2 ½ xícaras de abóbora bem madura picada
    1 xícara de farinha integral
    1 xícara de farinha branca
    2 claras
    2 colheres de sopa de castanha ralada
    Água o suficiente
    Sal

    Modo de preparo:
    Descascar a abóbora e cozinhar em fogo moderado com pouca água, até ficar bem macia e secar a água. Passar pelo espremedor e deixar esfriar. Juntar as farinhas, as claras e o sal e amassar. Fazer as bolinhas do nhoque em uma superfície lisa e colocar para cozinhar em água fervente. Retirar à medida que o nhoque venha à superfície. Colocar numa travessa, cobrir com molho de tomate e polvilhar com a castanha ralada.

    Buon apetito!!
    Beijos, e até a próxima.

    Meu nome é Luana e este é meu terceiro post aqui no Cabide. No último falei a respeito dos rótulos dos produtos alimentícios e sobre os principais itens a serem observados durante a escolha dos mesmos. Hoje continuo mais ou menos neste mesmo tema, porém agora pretendo esclarecer as principais diferenças entre os alimentos diet, light e integral.

    LIGHT

    Alimentos-Light-São-A-Melhor-Opção-Para-Emagrecer-02

    É o produto que tem redução de, no mínimo, 25% do seu valor calórico ou de determinados nutrientes (açúcar, gordura, colesterol, sódio), em comparação ao produto tradicional.
    Sendo assim, teoricamente alguém que busque perda de peso, por exemplo, deve procurar pelos produtos lights com baixos teores de gorduras e açúcares, e consequentemente de calorias. Basta comparar entre a tabela nutricional do produto normal e do light e verificar qual foi a redução que houve. No entanto, nem tudo é tão perfeito e fácil assim rsrsrs, com a retirada de gordura e açúcar o alimento tende a ficar ruim, por isso é preciso adicionar realçadores, sódio e demais coisinhas que nem sabemos ao certo, para deixar o sabor parecido com o produto normal. Então, quando for optar pelo produto light, além de observar o que foi diminuído, observe também o que foi aumentado.
    Exemplificando: Se uma pessoa hipertensa e com excesso de peso quer emagrecer, ela tende a optar pelo produto light, porém, se ao analisar o rótulo ela perceber que o light possui mais sódio do que o normal, é preferível que ela opte pelo normal em virtude da sua patologia já existente (hipertensão).
    Por isso que nem tudo que dá certo para um, quer dizer que vai funcionar para o outro!!

    DIET

    diet

    É aquele produzido industrialmente e que apresenta ausência ou quantidades bem reduzidas de determinados nutrientes (carboidratos, açúcar, sal, lactose, gordura) e por isso nem sempre os alimentos diets apresentam baixas calorias. Eles são criados para indivíduos que precisam seguir uma dieta baseada na restrição ou redução de um determinado nutriente. Então, por exemplo, uma pessoa com diabetes deve consumir alimentos com pouca quantidade ou isentos de açúcar. Para isto ela precisará verificar se o produto diet que ela deseja comprar retira justamente o açúcar.
    O maior problema disso tudo são os diversos aditivos que são incorporados aos produtos para que eles mantenham o sabor. As pessoas devem ter em mente que estes produtos são facilitadores, mas devem ser uma opção apenas para variar, para quando não der tempo de preparar o alimento. Continuo batendo na mesma tecla, prefira ALIMENTOS à produtos!!

    INTEGRAL

    alimentos-integrais

    Bom, este é um pouquinho diferente dos outros dois. O produto integral é aquele que possui ingredientes na sua forma integral, ou seja, que não passou pelo processo de refinamento. Então normalmente encontramos o arroz integral e principalmente produtos à base de trigo integral, como pães, bolachas, macarrão, massa de pizza… Porém, como já falei no ultimo post, é preciso ficar atento a este tipo de produto, pois muitos contém também grande quantidade de trigo branco, as vezes até mais do que o integral!
    As vantagens deste tipo de produto é que são ricos em fibras, auxiliando no funcionamento intestinal e diminuindo o índice glicêmico dos alimentos.

    Bom, gostaria que vocês comentassem aqui se ficaram com alguma dúvida e também se tiverem algum assunto que queiram saber, podem colocar que assim que for possível eu falo sobre ele!

    Beijos, e até a próxima!!

    Oiieee!! Tudo bom?? Meu nome é Luana, sou nutricionista e estou aqui pela segunda vez para falar com vocês sobre assuntos relacionados a alimentação e nutrição. Para quem quiser ver meu primeiro post está aqui.
    Bom, tô aqui novamente para falar de um assunto bem bacana e que acredito que pouca gente saiba a respeito: RÓTULOS NUTRICIONAIS. Você aí, sabe ler o rótulo nutricional dos produtos alimentícios? Sabe quais são as principais informações a serem observadas? Como fazer para entender as diversas letras miúdas dos rótulos? É pra isso que estou aqui hoje!!

    11992501_846522452110335_787609524_n

    Para começar, a “capa” do rótulo deve deixar claro do que se trata o produto. Deve informar o que contém na embalagem e principalmente informações relevantes como a presença de glúten e lactose e se há adição de compostos como ômega 3, por exemplo. Porém, não vale (e muitas empresas fazem isto!!) informar coisas que podem levar o consumidor a confusão, como dizer que o milho verde enlatado não contém colesterol… Para muitos isto é óbvio, pois o milho naturalmente não contém colesterol, porém, esta informação pode confundir alguns consumidores, fazendo-os optar pela determinada marca em detrimento desta informação. Então é preciso ficar esperto para não cair nestas “armadilhas”!

    Um detalhe muito legal para se observar durante a escolha do produto é a lista de ingredientes, que é obrigatória em qualquer produto alimentício. Os ingredientes devem ser escritos em ordem decrescente, sendo o primeiro aquele em maior quantidade no produto, e o último aquele em menor quantidade.

    rotulo

    Observem que este cereal matinal contém como primeiro ingrediente a farinha de milho, ou seja, é o ingrediente presente em maior quantidade neste produto, em seguida é o açúcar!!
    Uma coisa legal é que geralmente quanto mais ingredientes conhecermos, melhor tende a ser o produto. Nestes acima, quantos você nem sabe o que são?? Procure optar por aqueles com menos nomes “estranhos”, pois a maioria trata-se de conservantes e realçadores de sabor, e quanto menos, melhor! Observe agora o rótulo abaixo. Trata-se de um suco que leva apenas laranja como ingrediente e seu processo de pasteurização é que garante seu maior tempo de prateleira (que claro é bem mais curto que outros sucos cheios de conservantes).

    11995492_846522445443669_1871212548_n

    Essa informação é ainda mais legal quando observamos os produtos integrais. Muitos destes possuem como primeiro ingrediente justamente a farinha branca e não a farinha integral. Então quer dizer, é muito mais refinado do que integral, certo?
    Bem, em relação a tabela nutricional, é importante observar sempreee o valor da porção que está indicada.

    11994488_846522442110336_237293378_n

    Nesta tabela acima a porção que corresponde aos seus valores é de 30 g ou seja, 5 biscoitos. Quer dizer que o valor energético e as quantidades de carboidratos, proteínas, gorduras e assim por diante, correspondem a apenas 5 biscoitos, e não ao pacote todo viu??? De forma geral, é importante observar os produtos que não contenham gordura trans e que as gorduras saturadas e o sódio sejam reduzidos. Já as fibras em maiores quantidades normalmente indicam bons produtos. Na verdade, esta tabela é uma continuação da lista de ingredientes, pois, se eu tiver como ingrediente castanhas, nozes e amendoim, meu produto será mais calórico e terá mais gordura, mas estas serão calorias e gorduras do bem. Agora, se eu tiver por exemplo, um produto light/desnatado, você verá valores reduzidos de gordura e calorias, porém, provavelmente o sódio estará elevado, assim como o número de aditivos. Ou você acha que o produto continua gostosin como??? Rsrsrs
    Masss, esta questão de light/diet já é assunto para um próximo post!
    Espero que tenha esclarecido algumas dúvidas e também deixado um gostinho de quero mais!!

    Beijoss e até a próxima!!
    Luana