The Making of Harry Potter – Parte 2

Vamos continuar nosso passeio mágico? Pra quem não viu, no domingo passado comecei a contar um pouco sobre minha viagem aos estúdios do Harry Potter em Londres. Clique aqui para ler a primeira parte.

Após essa parte ao ar livre, chegamos em um lugar dedicado aos protótipos e modelos das criaturas e personagens. Dos duendes de Gringotes aos bonecos dos atores usados em cenas como a da tarefa do lago em O Cálice de Fogo, vemos tudo ali.

harry-potter-making-of

Após essa sala, chega um dos lugares mais esperados: o Beco Diagonal! Nessa sala estão todas as lojas que adoramos, o banco Gringotes e até mesmo a entrada da travessa do tranco. É impressionante ver o cuidado com que os detalhes foram feitos, com as vitrines enfeitadas e repletas de produtos, os avisos nas portas e as placas de promoções e propagandas. Uma curiosidade é que essa “rua” está no Google Maps e é possível fazer um tour 360 por ela clicando aqui.

estudio-harry-potter-2

Sabe aquelas cenas lindas que mostram uma visão geral de Hogwarts? Provavelmente elas foram feitas na próxima sala, que nada mais é do que uma “miniatura” da escola bruxa, e que era usada para gravar cenas gerais do castelo. Pensando bem, acho que não posso chamar de miniatura, já que a réplica ocupa uma sala enorme. Como sempre, os detalhes e o cuidado da produção impressionam.

estudio-harry-potter-3

Por fim, a última sala é uma espécie de homenagem a todos os envolvidos nas filmagens. Cada pessoa que participou do projeto ganhou uma caixa de varinha com seu nome, e todas elas foram colocadas em prateleiras, como se estivessem na loja do Olivaras. Mais do que merecido! A sensação é de que estamos na cena dos créditos de um filme.

Depois dessa sala, saímos direto na loja do tour, onde é possível comprar muitas e muitas coisas relacionadas à saga: varinhas oficiais, feijõezinhos de todos os sabores, vestes, etc, etc, etc. Haja libras!

Enfim, o tour é um passeio indispensável para os fãs de Harry Potter, e até para os admiradores de cinema que estão de passagem por Londres. Os ingressos custam 30 libras e podem ser comprados pelo site www.wbstudiotour.co.uk, as visitas funcionam com hora marcada e as entradas são de meia em meia hora. O tempo médio de visitação recomendado é de 3 horas, mas é possível demorar mais. Na verdade minha vontade foi de ficar nesse estúdio por dias.

É sem dúvidas um lugar mágico!

Descricao-fim-post-felipe

Comments

comments